Normas de familiaridade para substantivos comuns

J. Frederico Marques

Resumo


Este estudo apresenta dados normativos de familiaridade para utilização enquanto base para controlo e manipulação de substantivos comuns em Portugal. Medidas de familiaridade com o referente e com o significado (Larochelle & Saumier, 1993) foram recolhidas em dois momentos, num primeiro caso englobando apenas substantivos concretos (n=320) e num segundo momento englobando tanto substantivos concretos como abstractos (n=219). As normas são apresentadas para um total de 459 palavras diferentes.

Texto Completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14417/lp.774

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN Eletrónico: 1646-6004 | Copyright © ISPA - Instituto Universitário, 2012 | Portal otimizado para Internet Explorer 10, Firefox 32+, Chrome 37+ e Safari 5+.