Representação do poder municipal e formação de impressões: Um estudo sobre a hipótese do presidencialismo municipal no Concelho de Cascais

Ana Franco, Virgílio Amaral

Resumo


Procuramos no presente artigo dar a conhecer a opinião do eleitorado do Concelho de Cascais sobre o Poder Municipal destacando a apreciação do mesmos obre o Actual Presidente da Câmara. Para além da análise semântica destes dois aspectos, é testada a hipótese teórica do Presidencialismo Municipal, averiguando a existência de uma personificação do poderna figura do Presidente, ou seja, se a representação do Poder Municipal é determinada pelas impressões dos munícipes acerca do Presidente em funções.

Palavras-chave


Poder municipal; presidencialismo municipal; formação de opiniões

Texto Completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14417/ap.424

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN (in print): 0870-8231 | ISSN (online): 1646-6020 | Copyright © ISPA - Instituto Universitário, 2012 | O portal e metadados estão licenciados sob a licença Creative Commons 'CC BY-NC '