Factores de personalidade e comportamento alimentar em mulheres portuguesas com obesidade mórbida: Estudo exploratório

Ana Rebelo, Isabel Leal

Resumo


O objectivo deste estudo foi relacionar factores de personalidade e comportamento alimentar em mulheres diagnosticadas com obesidade mórbida, sendo esta amostra constituída por 48 sujeitos candidatos a cirurgia bariátrica, ou que a tenham efectuado num passado próximo.

Foram utilizados nesta investigação os seguintes Instrumentos: Questionário de Caracterização da Amostra, Inventário de Personalidade NEO-PI-R na Forma S, e Questionário Holandês do Comportamento Alimentar (DEBQ).

Os resultados obtidos mostram diferenças muito significativas, por comparação com a população normativa, nos domínios Neuroticismo e Abertura à Experiência, e nas facetas Impulsividade, Assertividade, Fantasia, Sentimentos, Ideias, Valores, Altruísmo, Competência e Deliberação; assim como nas dimensões Restrição Alimentar e Ingestão Emocional. Estão presentes sentimentos de inadequação com respostas de coping desadequadas e baixa tolerância à frustração; características de dominância nas relações sociais; criatividade com elaboração de fantasias e presença de respostas emocionais situacionais; comportamentos altruístas, de auto-disciplina e planificação; efectuando uma ingestão de ordem emocional associada a características de restrição alimentar.


Palavras-chave


Obesidade mórbida; factores de personalidade; comportamento alimentar; cirurgia bariátrica

Texto Completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14417/ap.458

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Nº ERC: 107494 | ISSN (in print): 0870-8231 | ISSN (online): 1646-6020 | Copyright © ISPA - CRL, 2012 | Rua Jardim do Tabaco, 34, 1149-041 Lisboa | NIF: 501313672 | O portal e metadados estão licenciados sob a licença Creative Commons CC BY-NC