Profiling: Uma técnica auxiliar de investigação criminal

Elisabete Correia, Susana Lucas, Alicia Lamia

Resumo


No domínio da Psicologia Forense emerge uma nova técnica de investigação criminal – o profiling – e destaca-se, por consequente, um tipo de investigador novo – o profiler. Para definir o profiling é necessário considerar o contributo das várias abordagens internacionais que permitem compreender a utilidade e a aplicabilidade desta técnica. O que se constata é uma complementaridade dos diferentes métodos. Portanto, uma abordagem colectiva e pluridisciplinar pode optimizar as probabilidades de sucesso pericial e aumentar a força probante da perícia em criminologia, vitimologia e profiling, com fins preventivos.


Palavras-chave


Psicologia forense; profiling; profiler; protocolos internacionais; prevenção

Texto Completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14417/ap.468

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Nº ERC: 107494 | ISSN (in print): 0870-8231 | ISSN (online): 1646-6020 | Copyright © ISPA - CRL, 2012 | Rua Jardim do Tabaco, 34, 1149-041 Lisboa | NIF: 501313672 | O portal e metadados estão licenciados sob a licença Creative Commons CC BY-NC