Propriedades psicométricas da versão portuguesa do Obsessive-Compulsive Inventory – Revised

Miguel Nuno Faria, Ismael Cardoso

Resumo


Foram examinadas as propriedades psicométricas da versão Portuguesa do Obsessive–Compulsive Inventory—Revised (OCI-R; Foa et al., 2002) em duas amostras não-clínicas (N = 509). Os resultados, para a escala total e cada uma das subescalas, revelaram boa consistência interna, validade convergente e divergente e confiabilidade teste-reteste após um intervalo de um mês. Além disso, a estrutura original de seis fatores correlacionados foi confirmada através de uma análise fatorial confirmatória. Os resultados também mostraram que a OCI-R exibiu invariância estrutural segundo o sexo. Em resumo, a versão em Português do OCI-R retém as boas propriedades psicométricas da versão original e é um instrumento adequado para medir os sintomas obsessivo-compulsivos em amostras não-clínicas.


Palavras-chave


Avaliação, Perturbação obsessivo-compulsiva, Versão portuguesa, Propriedades psicométricas

Texto Completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISBN (in print): 0870-8231 | ISBN (online): 1646-6020 | Copyright © ISPA - Instituto Universitário, 2012 | Portal otimizado para Internet Explorer 10, Firefox 32+, Chrome 37+ e Safari 5+.